Zara entra no mundo digital e testará realidade aumentada

Realidade aumentada é próximo passo para vendas da varejista Zara.

Entre escândalos de irregularidades no processo de produção, plágio de grandes grifes, a Zara foi aos poucos se tornando a maior varejista do mundo. Hoje a rede de fast-fashion pretende implementar a realidade aumentada, onde os clientes terão a ajuda de duas inteligencias artificias para realizarem suas compras.

O programa irá passar por testes que começaram a rodar nos dias 18 de abril em 120 lojas ao redor do mundo, e trazem a experiência de compra compartilhada. A partir do momento em que o consumidor entra na loja e direcionar seus smartphones para determinadas áreas da loja, dois atendentes virtuais apareceram na tela oferecendo produtos em atmosfera real da coleção ZARA.studio.

“Este conceito inovador incorpora as mais novas tecnologias em nossa oferta de moda, e convida os clientes dentro e fora da loja para uma experiência de compra nunca antes experimentada, que também pode ser compartilhada”.

A experiência é possível graças ao aplicativo Zara.AR que pode ser baixado com Wi-Fi gratuito disponibilizado nas lojas. O projeto ainda conta com idealização da francesa Holooh e promete ser uma revolução no setor varejista.

Written by

Estudante de Design de Moda, me encontro nesta área com o fascínio de entender o mercado de moda e os padrões que permeiam a sociedade. Por esse motivo criei a FRANK'S HOUSE mag, site que vem com o próposito de questionar comportamentos rotulados.

Deixe uma resposta